terça-feira, 31 de agosto de 2010

Dito Poético

O CHORO E A SEMENTE

" o choro pode durar uma noite, mas, a alegria virá pela manhã.." Sl.30.5

Tem choro que de tão insistente parece eterno
Que de tão silencioso parece não ter fim...
Choro que vem da alma e fica aqui no peito da gente...

E vai sufocando a esperança.
apertando a alma
Choro que não se sabe a hora de chegar
Nem se vai embora..
E fica essa canção sem fim..
que rasga o peito como rasga a terra..
e vai regando na gente
essa semente!
e lavando tudo...

Choro longo e duradouro
como a noite...
 silencioso...
insistente...
abundante...
Não importa!...
A alegia virá pela manhã!
E, somente amanhã saberei o quanto esse choro valeu a pena!...

Chore toda a lágrima do peito!
Sare toda a dor do teu pranto...

Quem leva a semente de grande valor
Enquanto vai chorando
voltará trazendo nos seus braços
os feixes da alegria!


Marizan di Carvalho

Um comentário:

  1. Lindo blog!

    Mas na verdade agora não estou passando para opinar sobre a postagem, mas deixar o convite para se possivel dar uma olhada no meu blog, criado recentemente...o blog é novo, e eu conto com sua participação.

    Obrigado pela atenção e muita paz.

    Segue as essências/

    www.verdade87.blogspot.com

    ResponderExcluir

QUEM LEU?